Entre adrenalina e brindes, cinco momentos memoráveis do Globo de Ouro

Los Angeles, 6 Jan 2018 (AFP) - A cerimônia de gala do Globo de Ouro é a mais animada e divertida da temporada de prêmios de Hollywood, provavelmente porque é a única onde as estrelas podem brindar o quanto quiserem.

A elite da indústria cinematográfica se instala em suas cômodas cadeiras e mesas com uma taça de Dom Perignon, ou sete, e reflete sobre as conquistas do ano. À medida que a noite se passa, as línguas e emoções relaxam.

Antes da festa de domingo, conheça os cinco momentos memoráveis de cerimônias anteriores, quando a adrenalina e o open bar tiraram o melhor e o pior dos ricos e famosos.

- Jeremy Renner sobre os 'globos de ouro' de J-Lo -Jeremy Renner, o protagonista de "Guerra ao terror", desatou uma polêmica nas redes sociais por sua "piada" enquanto entregava o prêmio de melhor ator de minissérie ou filme de televisão junto com Jennifer Lopez em 2015.

Após anunciar os indicados, J-Lo, usando um vestido com um decote profundo, perguntou a Renner se podia abrir o envelope, dizendo: "tenho unhas grandes".

"E também tem os 'globos'", replicou Renner, aparentemente falando sobre seus seios, o que provocou uma onda de críticas por este suposto assédio sexual ao vivo em uma transmissão televisionada.

- Jack Nicholson e seu Valium -Quando recebeu seu prêmio de melhor ator de drama em 2003 por "As confissões de Schmidt", Jack Nicholson admitiu em seu vacilante discurso que havia tomado Valium antes da cerimônia.

Além disso, fez piada de seus companheiros de elenco e da apresentadora Nicole Kidman - "Não era encantadora a Nicole com seu antigo nariz?" - para terminar mostrando sua surpresa por ter vencido já que o filme era, segundo ele, uma comédia.

- Emma Thompson tira o sapato - Quem precisa de sapatos para apresentar um prêmio? Certamente não Emma Thompson, que subiu ao palco usando um par de Christian Louboutin e com um martíni nas mãos para apresentar o prêmio de melhor roteiro em 2014.

Depois de destacar o trabalho dos roteiristas, a inglesa duas vezes vencedora do Oscar terminou seu discurso falando da crueldade dos sapatos de salto alto.

"Só quero que saibam que esse vermelho é o meu sangue", disse, apontando para a característica sola vermelha de um dos pés do sapato, antes de colocá-los sobre os ombros.

- Jodie Foster faz revelação -Não se tratou de um gesto inoportuno, ou uma imprudência, mas de um momento comovente: o monólogo da atriz e cineasta Jodie Foster em 2013 continua sendo um dos mais lembrados das edições do Globo de Ouro.

Famosa por manter sua privacidade, Foster se preparava para receber o prêmio por sua trajetória, quando balbuciou: "acredito que tenho um impulso repentino de dizer algo que nunca pude dizer em público... Mas farei. Em voz alta e orgulhosa, ok? Assim, preciso do apoio de vocês nisso".

Ao final, simplesmente declarou: "estou solteira. Sim, estou. Estou solteira". E entre risadas e aplausos, fez uma doce homenagem a sua ex-companheira de longa data, Cydney Bernard.

- O maior choque de todos -Uma coisa é fazer um papelão em uma festa, mas outra muito pior é estragar a diversão de todos com o cancelamento de um evento inteiro.

A Associação de Imprensa Estrangeira de Hollywood, que organiza o Globo de Ouro, decidiu não realizar a cerimônia em 2008, quando o Sindicato de Atores dos Estados Unidos (SAG) ameaçou boicotar o evento em apoio à greve do Sindicato de Roteiristas dos Estados Unidos (WGA).

Diante da perspectiva de um tapete vermelho vazio, a festa foi trocada por uma entediante coletiva de imprensa televisionada anunciando os vencedores.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos