Soldados dos EUA protestam em frente ao Pentágono contra assédio sexual

Washington, 8 Jan 2018 (AFP) - Um grupo de soldados americanos, com militares da reserva incluídos, se concentraram nesta segunda-feira (8) nos arredores do Pentágono para protestar contra o assédio e a agressão sexual nas forças armadas.

O protesto, que contou com aproximadamente duas dezenas de pessoas, a maioria mulheres sem uniforme, acontece em meio a uma campanha contra o assédio e a agressão sexual em que mulheres do mundo inteiro compartilharam seus experiências utilizando a hashtag #MeToo.

A violência sexual no interior das Forças Armadas é considerado um grande problema há tempo. Nos últimos quatro anos foram registrados mais de 20.000 denúncias de abuso sexual dentro das instalações militares americanas.

Como muitas vítimas não realizam a denúncia, é provável que o número de casos seja muito maior, assegura um relatório do Pentágono. O relatório também esclarece que muitas vítimas enfrentam represálias depois de fazer a denúncia.

Os manifestantes seguraram cartazes nos quais se lia: "A negação não é uma política", "Parem as represálias" e "#MeTooMilitary".

O porta-voz do Pentágono, o comandante Gary Ross, disse que esses fatos ressaltam os "contínuos esforços para eliminar o assédio e a agressão sexual dos militares".

"O DoD estimula uma denúncia maior das agressões sexuais para conectar as vítimas com cuidados restaurativos e como meio importante para responsabilizar apropriadamente os agressores", segundo um comunicado.

O Departamento de Defesa "entende que tem uma voz importante na discussão nacional sobre o assédio e o abuso sexual; estamos comprometidos a compartilhar nossos sucessos e desafios na esperança de que o que aprendemos possa beneficiar a sociedade americana em seu conjunto", apontou.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Receba por e-mail as principais notícias sem pagar nada.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos