China desmente informações sobre redução de compra da dívida americana

Pequim, 11 Jan 2018 (AFP) - A China desmentiu nesta quinta-feira as notícias sobre sua suposta vontade de reduzir as compras da dívida americana e considerou que devem ser originárias de fontes errôneas ou simplesmente informações falsas.

O país asiático administra suas compras de bônus do Tesouro americano "de acordo com as condições do mercado e suas necessidades de investimento", afirmou um porta-voz da agência governamental chinesa encarregada do mercado cambiário.

A China tem as reservas de câmbio mais importantes do planeta, que chegariam a 3,14 trilhões de dólares no final de dezembro.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos