BP gastará mais 1,7 bilhão de dólares por maré negra de 2010

Londres, 16 Jan 2018 (AFP) - A petroleira britânica BP anunciou nesta terça-feira (16) um novo gasto de 1,7 bilhão de dólares em suas contas para financiar as indenizações pela maré negra de 2010 no Golfo do México.

O montante, que será registrado nos resultados do quarto trimestre de 2017, é fruto de uma avaliação mais alta que o previsto das ações de indenização, indicou um comunicado do grupo britânico.

"O gasto é totalmente gerenciável tendo em conta nossa situação financeira, em particular considerando que o grupo pode equilibrar de novo suas contas graças ao barril [de petróleo] a 50 dólares", explicou Brian Gilvary, diretor financeiro da BP.

Por outro lado, o grupo indicou que calcula que a maré negra lhe custará mais três bilhões de euros em 2018.

A explosão em 2010 da plataforma petroleira DeepWater Horizon que a BP operava no Golfo do México matou 11 pessoas e provocou um derramamento de 180.000 km2.

Somando as multas, as indenizações de vítimas e a limpeza das costas, a BP pagou até 2017 cerca de 65 bilhões de dólares em compensações.

jbo/eg/phv/pc/es/db

BP

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos