Casal se diz inocente da acusação de tortura e abuso de filhos nos EUA

Los Angeles, 18 Jan 2018 (AFP) - Um casal americano, acusado de manter em cativeiro os 13 filhos, se declarou inocente nesta quinta-feira (18) de várias acusações de tortura e abuso, enquanto os promotores relataram que suas vítimas, desnutridas, só podiam tomar banho uma vez por ano.

Totalmente vestidos de preto e algemados pelas mãos e pés, David Allen Turpin, de 57 anos, e sua esposa, Louise Anna Turpin, de 49, se mostraram tranquilos ao se declarar não culpados das acusações em um tribunal completamente lotado.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos