Mulheres marcham em Las Vegas no segundo dia de protestos contra Trump

Los Angeles, 22 Jan 2018 (AFP) - Uma multidão tomou as ruas da cidade americana de Las Vegas neste domingo (21), no segundo dia de protestos pelos direitos das mulheres e contra o presidente Donald Trump.

As manifestantes destacaram a necessidade de organização política com vistas às eleições parlamentares de metade de mantado, que serão realizadas em novembro.

"Temos que caminhar juntos, temos que organizar juntos, temos que nos mobilizar juntos e temos que votar juntos, inclusive quando não nos agrada", disse Tamika Mallory, copresidente da organização da Marcha das Mulheres, em Las Vegas.

"Temos o poder de mudar todas as políticas e fazer que quem seja eleito trabalhe para nós (...), mas devemos nos levantar e sermos fortes e corajosas", afirmou.

Os manifestantes repetiram palavras de ordem como "O poder nas urnas", enquanto outros exibiram cartazes com inscrições que diziam "O presidente dos Estados Unidos é racista" ou "Mesmo trabalho, mesma remuneração".

No sábado, milhares de pessoas, principalmente mulheres, foram às ruas de mais de 200 cidades de todo o país como parte da segunda Marcha das Mulheres contra Donald Trump, coincidindo com o primeiro aniversário do presidente na Casa Branca.

Em 2017, mais de 3 milhões de pessoas em todo o país mostraram sua oposição ao presidente republicano, que havia acabado de assumir a Presidência.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos