Trump pedirá em Davos um comércio livre mas justo

Davos, Suíça, 26 Jan 2018 (AFP) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, pedirá nesta sexta-feira em seu discurso em Davos diante da elite econômica mundial um comércio livre, mas "justo e recíproco", informou uma fonte de sua administração.

Trump defenderá "mercados abertos e livres, mas em termos justos e recíprocos", explicou a fonte.

Também explicará sua reforma fiscal para reduzir impostos e vai afirmar que os "Estados Unidos estão abertos para fazer negócios".

"Estados Unidos não seguirão tolerando coisas como o roubo da propriedade intelectual, as transferências forçadas de tecnologia ou os subsídios industriais", completou a fonte.

O esperado discurso de Trump, às 13H00 GMT (11H00 de Brasília), encerrará nesta sexta-feira o Fórum Econômico Mundial de Davos, onde sua presença abalou o consenso pró-globalização impera nesta reunião anual.

arb-jit/pc/ra/fp

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos