ONU enviará emissário para a Síria ao congresso de paz na Rússia

Nações Unidas, Estados Unidos, 27 Jan 2018 (AFP) - O secretário-geral da ONU, Antonio Guterres, decidiu enviar seu emissário para a Síria, Staffan de Mistura, ao congresso de paz na Rússia na próxima semana, apesar do boicote ao encontro anunciado pela oposição ao regime de Bashar al-Assad.

O governo russo tentou durante muito tempo que a ONU participasse na conferência de Sochi, organizada para tentar acabar com os sete anos de guerra na Síria.

Guterres "confia que o congresso em Sochi será uma contribuição importante" para reviver as conversações de paz celebradas com mediação da ONU em Genebra, afirmou o porta-voz da organização, Stéphane Dujarric.

A decisão foi divulgada horas depois do principal de oposição na Síria ter anunciado que boicotará a abertura das conversações no balneário de Sochi, às margens do Mar Negro, na segunda-feira.

A Rússia convidou mais de 1.500 delegados à conferência de dois dias, que os países ocidentais consideram uma concorrência aos esforços da ONU para solucionar o conflito e uma oportunidade para Moscou obter um acordo favorável a seu aliado Assad.

O porta-voz da organização internacional afirmou que Guterres recebeu garantias de que a conferência de Sochi não tentaria ignorar as conversações da ONU.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos