EUA 'respeitam profundamente' os países africanos, diz Trump

Adis Abeba, 28 Jan 2018 (AFP) - O presidente americano, Donald Trump, assegurou em uma carta dirigida a líderes africanos que os Estados Unidos os "respeitam profundamente", informaram neste domingo fontes diplomáticas no âmbito da cúpula da União Africana (UA) em Adis Abeda.

A divulgação desta mensagem chega depois do presidente americano ter enviado, na sexta-feira, "cumprimentos afetuosos" aos dirigentes africanos, em uma reunião com o presidente da UA e de Ruanda, Paul Kagame, depois da polêmica recente por ter supostamente qualificado algumas nações de "países de merda".

Na carta, datada na quinta-feira e dirigida aos chefes de Estado reunidos no domingo e na segunda-feira para a 30ª cúpula da União Africana, Trump disse também que o secretário de Estado americano, Rex Tillerson, viajará ao continente em março pela primeira vez desde que é chefe da diplomacia de seu país.

Uma fonte da UA confirmou a autenticidade da carta, compartilhada em redes sociais, assim como sua recepção pela Comissão da UA.

"Os Estados Unidos respeitam profundamente as associações e os valores que compartilhamos com a União Africana, seus países-membros e seus cidadãos por todo o continente. Quero ressaltar que os Estados Unidos respeitam profundamente os africanos", assegurou o presidente Trump no texto.

"Nossos soldados combatem lado a lado para derrotar os terroristas" e "trabalhamos juntos para intensificar um comércio livre, justo e recíproco", acrescentou.

Durante uma reunião com vários senadores no Salão oval em 12 de janeiro, Trump se referiu a nações da África, ao Haiti e a El Salvador como "países de merda", segundo a imprensa e um senador que participou da reunião.

Em 13 de janeiro, os embaixadores de 54 países africanos membros da ONU exigiram uma "retratação" e "desculpas". Segundo fontes concordantes, os 55 Estados-membros da União Africana podem adotar, na cúpula em Adis Abeba, uma declaração comum condenando as palavras de Trump.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos