ONU critica dimensão política do fim da ajuda dos EUA a palestinos

Genebra, 30 Jan 2018 (AFP) - O chefe da agência da ONU para os refugiados, a UNRWA, criticou nesta terça-feira a dimensão política da decisão dos Estados Unidos de bloquear os milhões de dólares de sua contribuição para o organismo.

Pierre Krahenbuhl lamentou que a decisão de Washington de reduzir em 300 milhões seus fundos para a UNRWA "tem uma dimensão política que deveria ser evitada".

A agência, criada em 1949, proporciona ajuda a uma grande parte dos mais de cinco milhões de registrados como refugiados nos Territórios Palestinos, Jordânia, Líbano e Síria, sobreviventes ou descendentes dos centenas de milhares de palestinos expulsos na primeira guerra árabe-israelense em 1948.

A administração Trump mantém pressão há meses na ONU sobre o uso das contribuições americanas e exige uma revisão em profundidade do funcionamento e financiamento da UNRWA, da qual foi a principal provedora de fundos em 2017, com 350 milhões de dólares.

Washington contribuirá agora com 60 milhões de dólares ao orçamento do programa, segundo a UNRWA.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos