Trump falará à nação sobre novo massacre em uma escola

Washington, 15 Fev 2018 (AFP) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, se dirigirá nesta quinta-feira à nação depois do novo massacre em uma escola secundária da Flórida, e ordenou que as bandeiras fiquem hasteadas a meio mastro nos prédios públicos em sinal de luto.

Segundo a porta-voz da Casa Branca, Sarah Sanders, Trump falará às 11H00 local (14H00 de Brasília).

Trum determinou que as bandeiras sejam colocadas em meio mastro em respeito às 17 vítimas da violência.

"Nossa nação está de luto por aqueles que perderam seus entes queridos no tiroteio na escola secundária Marjory Stoneman Douglas", afirmou o presidente.

Anteriormente, Trump atribuiu o tiroteio na escola da Flórida a uma perturbação mental e à falta de vigilância.

"Tantos sinais de que o atirador da Flórida era um perturbado mental, expulso, inclusive, da escola por sua conduta má e errática. Os vizinhos e os colegas de turma sabiam que era um grande problema. É preciso informar esses casos às autoridades sempre, de novo e de novo!", tuitou o presidente americano nesta quinta-feira.

Trump não mencionou em momento algum o problema das armas de fogo, apesar de o autor do tiroteio, Nikolas Cruz, de 19 anos, estar armado com uma AR-15 e vários carregadores quando invadiu a escola secundária no final das aulas de quarta.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos