Arquivada investigação contra ministro francês Darmanin por estupro

Paris, 16 Fev 2018 (AFP) - A Justiça francesa arquivou nesta sexta-feira (16) uma investigação preliminar por suposto estupro contra o ministro de Contas Públicas, Gérald Darmanin, informou a Procuradoria de Paris.

Esta investigação já havia sido arquivada pela primeira vez em julho, antes de ser reaberta no fim de janeiro por conta de uma carta da mulher que acusa o ministro de tê-la estuprado em 2009.

"A investigação realizada não permitiu estabelecer a ausência de consentimento da demandante" nem a "existência de uma ameaça", argumentou a Procuradoria de Paris.

Gérald Darmanin, de 35 anos, rechaçava categoricamente essa acusação e apresentou uma ação por calúnia.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Receba por e-mail as principais notícias sem pagar nada.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos