Eurozona registra desemprego estável em janeiro, a 8,6%

Bruxelas, 1 Mar 2018 (AFP) - Em janeiro, o desemprego na zona euro se situou em 8,6%, seu nível mais baixo em nove anos - apontou o Eurostat nesta quinta-feira (1º), estimando em 14,11 milhões o número de pessoas sem trabalho.

A primeira estimativa para janeiro do escritório europeu de estatísticas coincide com a projeção do fornecedor de serviços financeiros Factset e com o número revisto pelo Eurostat para o mês de dezembro.

Malta registra o menor índice de desemprego dos 19 países do euro, em 3,5%, um décimo abaixo do da primeira economia da zona euro, a Alemanha, que permanece estável, a 3,6%.

Os grandes países do sul da Europa continuam com números superiores. Submetida a uma série de programas de resgate desde 2010 em troca de duras reformas, a Grécia registra a taxa mais elevada, 20,9%, segundo números de novembro.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos