Pela primeira vez Londres soma mais assassinatos que Nova York

Londres, 2 Abr 2018 (AFP) - O número de assassinatos cometidos em Londres superou pela primeira vez os registrados em Nova York em fevereiro e março, devido ao aumento dos ataques a faca na capital britânica, segundo o Sunday Times.

Quinze pessoas foram assassinadas em Londres em fevereiro contra 14 em Nova York, duas cidades de tamanho similar, segundo cifras da polícia.

Em março, foram cometidos 22 assassinatos em Londres, também um a mais que na Grande Maçã.

No entanto, ao se comparar as duas cidades desde o começo do ano, Nova York se mantém no topo.

Segundo a polícia londrina, contatada pela AFP, dos 46 assassinatos cometidos na capital britânica desde o começo do ano, 31 são atribuíveis a agressões com arma branca.

Em todo o ano de 2017, 134 pessoas foram assassinadas em Londres - inclusive vítimas de atentados - das quais 80 foram esfaqueadas.

O número de homicídios aumentou 40% na capital britânica nos últimos três anos. Em nova York, caiu 87% desde 1990.

Na maioria dos casos, as agressões não estão relacionadas com o crime organizado, mas com indivíduos isolados, que portam uma arma para se sentir seguros ou impressionar. O fenômeno afeta particularmente os mais jovens: um número cada vez maior deles portam faca ou canivete.

Em declarações ao The Times, a chefe da Metropolitan Police, Cressida Dick, acusou no sábado as redes sociais de normalizar a violência entre os jovens.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos