Rússia afirma que Opaq não apoia seu pedido no caso Skripal

Haia, 4 Abr 2018 (AFP) - A Rússia anunciou nesta quarta-feira que não conseguiu o apoio da Organização para a Proibição de Armas Químicas (Opaq) para participar da investigação sobre o envenenamento do ex-espião Serguei Skripal na Grã-Bretanha.

"Infelizmente não conseguimos obter dois terços dos votos para apoiar essa decisão. Precisávamos de uma maioria qualificada", explicou o embaixador russo Alexander Shulgin a repórteres.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Receba por e-mail as principais notícias sem pagar nada.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos