Lula não pode ser considerado foragido

Curitiba, 6 Abr 2018 (AFP) - O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva não pode ser considerado foragido da Justiça, apesar de não se entregar no prazo fixado pelo juiz Sérgio Moro, porque as autoridades sabem onde ele está e não tentaram detê-lo, explicou a assessoria de comunicação do magistrado.

"Lula não violou uma ordem judicial. Lhe foi dada a oportunidade para se apresentar à Justiça sem a necessidade da intervenção da polícia, mas todo mundo sabe onde está, não está escondido ou foragido", declarou uma assessora à AFP.

"Será considerado foragido apenas se a polícia não conseguir localizá-lo".

Uma hora após o final do prazo dado por Moro, Lula saudou os milhares de manifestantes congregados diante do Sindicato dos Metalúrgicos de São Bernardo do Campo, onde permaneceu na noite desta quinta-feira.

A ordem de prisão permitia a Lula se entregar "voluntariamente à Polícia Federal em Curitiba até as 17H00" desta sexta-feira.

Segundo o deputado Zé Geraldo, do Partido dos Trabalhadores (PT), o ex-presidente deve passar esta noite na sede do Sindicato. "Já está definido: Lula não vai para Curitiba. Vamos passar a noite aqui. A decisão já foi tomada...".

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos