Incêndio na Trump Tower deixa um morto e quatro feridos

Nova York, 8 Abr 2018 (AFP) - Um homem idoso morreu neste sábado em um incêndio no 50º andar da Trump Tower, em Nova York, que também deixou quatro bombeiros com ferimentos leves, disseram autoridades.

O Departamento de Polícia de Nova York disse que a vítima, de 67 anos, foi encontrada "inconsciente" quando os policiais chegaram ao local do incêndio.

O homem foi declarado morto depois de ser levado ao hospital Mount Sinai Roosevelt, segundo a polícia, que disse que o médico legista determinaria a causa da morte, como parte de uma investigação em andamento.

"Este foi um incêndio muito difícil. Como você pode imaginar, o apartamento é bem grande, estamos 50 andares acima. O resto do prédio teve uma quantidade considerável de fumaça", disse o Corpo de Bombeiros de Nova York (FDNY).

Os quatro bombeiros tiveram ferimentos que não implicavam risco de vida, e o incêndio foi "controlado", acrescentou.

A fumaça começou a subir do arranha-céu no centro de Manhattan por volta das 18h00 (19h00 em Brasília).

As ruas em volta do prédio foram fechadas, enquanto turistas tiravam fotos com seus telefones.

A Trump Tower, propriedade do presidente dos EUA, Donald Trump, abriga sua cobertura e serve como sede da Organização Trump.

Mais cedo, o FDNY tuitou uma foto do prédio com várias janelas do 50º andar em chamas.

Trump mais tarde disse que o fogo havia sido apagado.

"O fogo na Trump Tower está apagado. Muito limitado (prédio bem construído). Bombeiros (e bombeiras) fizeram um ótimo trabalho. OBRIGADO!" afirmou.

lbc-ia/oh/db

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos