Líder do EI para norte do Afeganistão morre em bombardeio

Mazar-e Sharif, Afeganistão, 7 Abr 2018 (AFP) - O líder do grupo Estado Islâmico (EI) para o norte do Afeganistão, Qari Hikmat, morreu em um bombardeio aéreo realizado pelas forças aéreas afegãs e americanas - anunciaram fontes oficiais neste sábado (7).

Segundo o Ministério da Defesa, a operação aconteceu nesta sexta-feira (6) no distrito de Darzab, na província de Jawzjan, e nela morreram o comandante do EI e vários de seus homens.

"Qari Hikmat era uma figura-chave do Daesh (acrônimo do EI em árabe) no norte do Afeganistão, responsável e relacionado a inúmeros ataques terroristas", afirmou o Ministério em um comunicado.

O Ministério também informou que os homens de Qari Hikmat escolheram Mawlawi Habib-ul-Ruhman como seu sucessor.

"É um duro golpe para o Daesh", comentou o chefe da polícia de Jawzjan, Faqir Mohamed.

"[Qari Hikmat] era o fundador do EI no norte do Afeganistão. Recrutou combatentes e era responsável por muitas mortes e decapitações", completou.

O governador provincial de Jawzjan, Lotfulá Azizi, confirmou as mortes e disse que o episódio "afetará o recrutamento do Daesh no norte do Afeganistão". Azizi descreveu Qari Hikmat como um "mestre em crueldade e brutalidade".

bur-ach/lb/erl/pa/mc/tt

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos