Blair recorda negociações de paz de Ulster, que completam 20 anos

Londres, 10 Abr 2018 (AFP) - Vinte anos depois do acordo de paz da Irlanda do Norte, o primeiro-ministro britânico da época, Tony Blair, lembrou o quanto as negociações estiveram perto de fracassar e advertiu sobre a ameaça do Brexit.

"Eu não sabia se íamos chegar a um acordo até, literalmente, minutos antes disso acontecer", disse Blair, antes de uma visita nesta terça-feira à Irlanda do Norte para comemorar o aniversário do Acordo de Belfast assinado em 10 de abril de 1998.

O então emissário americano nas negociações, George Mitchell, era absolutamente pessimista e disse "não, isso não vai funcionar", quando entraram na rodada final de negociações em que participaram os governos britânico e irlandês e os principais partidos da província britânica.

A intensidade dos últimos três dias, nos quais "as possibilidades de um fracasso aumentavam hora a hora", e a "liderança corajosa" dos envolvidos levaram o acordo adiante", contou Blair.

O ex-primeiro-ministro alertou que a decisão britânica de abandonar a União Europeia ameaça o acordo, em particular pelo risco de reintroduzir os controles fronteiriços entre a Irlanda do Norte e a República da Irlanda.

A Grã Bretanha e a Irlanda se uniram ao bloco europeu em 1973 e atualmente são membros do mercado único e da união aduaneira, o que significa que não há necessidade de controles aos viajantes e às mercadorias.

O Brexit "muda o que antes era simetria das relações entre Irlanda, Reino Unido e Europa, que agora se rompe", disse Blair à imprensa em Londres.

Assinado em 10 de abril de 1998, o acordo terminou em grande medida com 30 anos de distúrbios que deixaram mais de 3.500 mortos na Irlanda do Norte.

Blair comemorará o aniversário em Belfast junto aos protagonistas das negociações, incluindo Mitchell, o ex-presidente americano Bill Clinton e antigos líderes irlandeses e norte-irlandeses.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos