Crianças e adolescentes processam governo dos EUA por mudanças climáticas

Washington, Estados Unidos, 13 Abr 2018 (AFP) - O processo por uma ação interposta por crianças, jovens e adolescentes contra o governo de Estados Unidos, acusado de não proteger os recursos naturais do planeta ao queimar energias fósseis, terá início em 29 de outubro, anunciou nesta quinta-feira uma organização que apoia os demandantes.

O caso, apresentado à justiça por 21 crianças, adolescentes e jovens americanos, será julgado por um tribunal federal no estado do Oregon, informou a organização Our Children's Trust.

A queixa havia sido apresentada em 2015, quando o presidente democrata Barack Obama estava no poder.

Os jovens demandantes "asseguram que o governo americano, ao criar voluntariamente um modelo energético nacional que contribuiu para as mudanças climáticas, violou seus direitos constitucionais à vida, à liberdade e à propriedade", segundo a mesma fonte.

"Ao fixar como data o processo em 29 de outubro, o tribunal reconheceu a urgência da crise climática", estimou um dos advogados dos jovens, Phil Gregory.

Os demandantes que apresentaram a queixa argumentam que o governo americano conhecia desde 1965 os riscos de um aumento nas emissões de gases do efeito estuda, mas que não fez o suficiente para regulá-las.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos