May e Macron seguirão 'trabalhando estreitamente' na resposta à Síria

Londres, Reino Unido, 14 Abr 2018 (AFP) - A primeira-ministra britânica, Theresa May, conversou na noite desta sexta-feira com o presidente francês, Emmanuel Macron, e os dois concordaram em "seguir trabalhando estreitamente" na resposta ao suposto uso de armas químicas em um ataque do regime sírio.

"A primeira-ministra falou com o presidente francês, Emmanuel Macron, esta noite sobre o terrível ataque a Duma, no sábado, na Síria", informou um porta-voz de Downing Street.

"Eles concordaram em seguir trabalhando estreitamente para uma resposta internacional".

Os Estados Unidos informaram nesta sexta-feira que têm "provas" de que efetivamente ocorreu um ataque químico em Duma no dia 7 de abril, e que o governo sírio é o responsável.

Na ONU, o representante da França, Francois Delattre, disse que o governo sírio atingiu um "ponto sem volta" e que é preciso "deter a escalada química" na Síria.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos