Topo

OPAQ anuncia que prosseguirá com investigação de suposto ataque químico na Síria

14/04/2018 08h46

Haia, 14 Abr 2018 (AFP) - Os especialistas da Organização para a Proibição das Armas Químicas prosseguirão com a missão de investigação sobre o suposto ataque químico de Duma, apesar dos bombardeios dos Estados Unidos, França e Reino Unido na Síria, anunciou neste sábado a OPAQ.

"A equipe de investigadores da OPAQ seguirá seu deslocamento na Síria para estabelecer os fatos relativos às acusações do uso de armas químicas em Duma", afirmou a organização em um comunicado.

Uma equipe da OPAQ deveria começar neste sábado em Duma, perto de Damasco, a investigação sobre o suposto ataque químico de 7 de abril.