Avião é desviado na China após breve tomada de refém

Pequim, 15 Abr 2018 (AFP) - Um voo da Air China precisou ser desviado neste domingo, depois que um homem fez um membro da tripulação refém, ameaçando-o com uma caneta-tinteiro, anunciou a autoridade chinesa da Aviação Civil (CAAC).

O avião com destino a Pequim decolou de Changsha, capital da província de Hunan, às 08h40 (21h40 de sábado no horário de Brasília).

Mas finalmente pousou uma hora depois em Zhengzhou, capital da vizinha província de Henan.

Leia também:

"O incidente foi resolvido às 13h17, passageiros e tripulação estão em segurança", indicou a CAAC em um comunicado, acrescentando que o homem utilizou uma caneta-tinteiro para ameaçar um membro da tripulação.

Uma foto publicada pelo China News Service mostrava bombeiros e seus caminhões na parte externa do aeroporto de Zhengzhou.

"Acho que alguém gritou e nos acordou. Todos estavam dormindo. Era o grito de uma mulher, ninguém sabia o que estava acontecendo", relatou um passageiro, de acordo com um vídeo da Tencent News e Beijing News.

Ele indicou que a tripulação conseguiu manter a calma dos passageiros.

As autoridades não divulgaram nenhuma informação sobre o motivo da agressão ou sobre o que aconteceu com o agressor.

Para ser piloto da Esquadrilha da Fumaça, precisa ter 1.500 horas de voo

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos