Israel adota lei que facilita decisão sobre guerra

Jerusalém, 30 Abr 2018 (AFP) - O Parlamento de Israel aprovou nesta segunda-feira uma lei que permite ao primeiro-ministro e ao ministro da Defesa decidir entrar em guerra sem a convocação da totalidade do gabinete, em meio às crescentes tensões entre Israel e alguns de seus vizinhos.

A lei, aprovada por 62 votos contra 41, concede ao gabinete de Segurança a decisão sobre uma operação militar ou uma guerra sem consultar o restante do governo.

Um paragrafo especifica que em caso de "condições extremas" o primeiro-ministro e o ministro da Defesa podem decidir apenas eles sobre alguma operação.

O projeto de lei, apresentado pela ministra da Justiça, Ayelet Shaked, é uma emenda a uma lei fundamental que exigia do governo aprovar qualquer operação militar na presença da maioria dos ministros.

No momento, o gabinete de Segurança é integrado por 11 dos 22 ministros que compoem o governo de Netanyahu.

A ministra Shaked justificou a emenda pela "situação de segurança atual e para tornar mais eficaz o trabalho do governo e do gabinete".

A lei foi votada em um contexto de crescente tensão com os palestinos, que em 30 de março iniciaram uma série de manifestações na Faixa de Gaza, o que produziu confrontos com as forças israelenses que já mataram 45 palestinos.

Em outra frente, o ministro da Defesa, Avigdor Lieberman, advertiu na quinta-feira que seu país evitará qualquer tentativa de "implantação militar" iraniana na Síria, após um ataque aéreo contra o território sírio em 9 de abril atribuido ao Estado hebreu.

Desde o início da guerra na Síria, em 2011, Israel realizou numerosos ataques aéreos contra objetivos naquele país, especialmente do Hezbollah libanês pró-iraniano.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos