Macron comete gafe e chama mulher do premiê australiano de "deliciosa"

Em Sydney

  • Ludovic Marin/AFP

    Presidente da França, Emmanuel Macron, ao lado do premiê da Austrália, Malcolm Turnbull e de sua mulher, Lucy

    Presidente da França, Emmanuel Macron, ao lado do premiê da Austrália, Malcolm Turnbull e de sua mulher, Lucy

O presidente francês, Emmanuel Macron, pode ter o melhor inglês em comparação com os líderes de seu país em décadas, mas até ele dá seus passos em falso na cena internacional.

Em conversa com o primeiro-ministro da Austrália, Malcolm Turnbull, nesta quarta-feira (2), em Sydney, Macron aproveitou a oportunidade para "agradecer a você e a sua deliciosa mulher pela calorosa acolhida".

Sozinho, sem a mulher, Lucy, ao lado, Turnbull deu um largo sorriso, enquanto Macron pareceu não perceber, de imediato, a gafe que tinha cometido.

Muito provavelmente, o presidente francês quis dizer "delightful" - que poderia ser traduzido como "encantadora" em português -, uma tradução comum do francês "delicieux" (e que também pode significar "delicious", ou "deliciosa", em português).

Quase imediatamente, o Twitter foi tomado de memes e piadas, muitos brincando com a reputação dos franceses para os "affairs" românticos.

"Você tira o homem da França mas...", tuitou a jornalista do Buzzfeed Austrália Alice Workman.

Já o britânico "Metro Daily" estampou, sem piedade: "Macron assusta o mundo ao dizer que mulher do premiê australiano é 'deliciosa'".

Macron visitava a Austrália para conversas sobre comércio e segurança regional, em sua viagem rumo ao território francês da Nova Caledônia, antes da votação de um referendo de independência que acontece em novembro.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos