Município mexicano demite 119 policiais envolvidos com crime organizado

San Martín Texmelucan de Labastida, México, 3 Mai 2018 (AFP) -

Um grupo de 119 policiais do município mexicano de San Martín Texmelucan, no estado de Puebla, foi demitido nesta quarta-feira por envolvimento com quadrilhas especializadas no roubo de combustíveis, informou o governo estadual.

No total, 185 agentes de San Martín Texmelucan, considerado o novo epicentro do roubo de combustíveis que atinge principalmente os oleodutos da estatal Pemex, foram desarmados e submetidos a uma investigação.

Ao final desta quarta-feira, após uma análise sumária de provas, a secretaria de Segurança Pública confirmou a destituição de 119 agentes, entre eles o diretor da polícia e outros três comandantes.

Todos os casos foram enviados à Procuradoria estadual.

San Martín Texmelucan, a 98 km da Cidade do México, está situada no chamado "Triângulo Vermelho", onde o roubo de combustíveis envolve quadrilhas ligadas ao narcotráfico.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos