Topo

Café terá advertência de risco de câncer na Califórnia

08/05/2018 21h29

Los Angeles, 9 Mai 2018 (AFP) -

Um tribunal de Los Angeles determinou que a Starbucks e outras redes de cafés avisem a seus clientes na Califórnia sobre o risco de câncer relacionado ao produto.

O juiz Elihu Berle confirmou uma decisão prévia envolvendo uma pequena ONG e 90 empresas que produzem ou vendem café.

Berle explicou em sua decisão - que inclui Starbucks Corp., Keurig Green Mountain Inc. e Peet's Operating Co. - que não foi possível demonstrar que os benefícios para a saúde do consumo do café superam os risco de câncer de um produto químico derivado do processo de torrefação.

A ONG Council for Education and Research on Toxics acionou as companhias em 2010, com base em uma lei que exige que as empresas coloquem etiquetas de advertência em seus produtos que possam causar câncer.

O grupo argumenta que a acrilamida - um componente sem sabor encontrado na maioria dos cafés - figura entre os produtos químicos enumerados na Califórnia como potencialmente cancerígenos ou prejudiciais à saúde.

A defesa admitiu a presença da acrilamida no café, mas garantiu que ela não representa risco e que trata-se de um subproduto natural do processo de torrefação.