Curdos lançam nova ofensiva contra EI no leste da Síria

Washington, 8 Mai 2018 (AFP) -

Uma coalizão dirigida pelos curdos e apoiada pelos Estados Unidos lançou uma nova ofensiva contra o grupo extremista Estado Islâmico (EI) no leste da Síria, informou um responsável da aliança nesta terça-feira (8).

Membros das Forças Democráticas Sírias (FDS), uma coalizão de curdos e árabes dominada pelos primeiros, falaram de novos ataques contra as milícias restantes do EI na Síria, sobretudo na região petroleira de Deir Ezzor, perto da fronteira iraquiana.

"Esta semana, após um aumento dos bombardeios da coalizão contra as regiões controladas pelo EI na Síria, as FDS recomeçaram as suas operações para retomar os últimos territórios controlados pelo EI no leste" do país, declarou a jornalistas no Pentágono o general britânico Felix Gedney.

A primeira fase da operação, executada em coordenação com as tropas iraquianas, consiste em blindar a área sudeste da fronteira do Iraque, acrescentou Gedney.

O general não detalhou o número de extremistas estrangeiros que permanecem na região. Os extremistas locais estão progressivamente abandonando os combates, o que "aumenta as tensões" entre os dois grupos, assinalou.

"As observações procedentes do leste da Síria sugerem que o ânimo dos combatentes do EI no leste da Síria está em queda", afirmou.

Mais de 400 milicianos do EI estão em poder das FDS.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos