Partidos antissistema chegam a acordo na Itália sobre programa de governo e premier

Roma, 13 Mai 2018 (AFP) - Luigi Di Maio e Matteo Salvini, líderes dos partidos antissistema, chegaram a um acordo sobre o programa de governo e o nome do primeiro-ministro, anunciou na noite deste domingo a imprensa da Itália, citando fontes de ambos os partidos.

Luigi Di Maio, líder do Movimento 5 Estrelas (M5S), "deu um breve telefonema ao secretário-geral da presidência para anunciar que ele e o líder da Liga, Matteo Salvini, estarão prontos a partir de amanhã para informar tudo, inclusive o nome do futuro premier", indicou a agência AGI.

Este último terá que ser validado pelo chefe de Estado, que poderá anunciar a nomeação no começo da semana.

"Será um político, não um técnico", adiantou Di Maio após o segundo dia de negociações em Milão com o colega da Liga (extrema direita), Matteo Salvini e seus principais colaboradores.

Ambos se encontrarão novamente amanhã, em Roma, antes de serem recebidos no palácio presidencial.

Um representante do M5S ouvido pela AFP indicou que Di Maio queria reservar a divulgação das informações sobre o programa com a Liga e o nome do chefe de governo ao presidente Mattarella.

Segundo a imprensa, o candidato a dirigir a terceira maior economia da zona do euro deverá ser uma "terceira pessoa", que não pertença nem à Liga nem ao M5S.

Deverá ter autoridade no campo internacional e poder tornar compatível com a União Europeia o tom eurocético do futuro Executivo.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos