PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Jimmy Carter vê Trump candidato a Nobel da Paz com acordo com Coreia do Norte

22/05/2018 19h03

Washington, 22 Mai 2018 (AFP) - Donald Trump deveria figurar entre os candidatos ao Prêmio Nobel da Paz se chegar a um acordo nuclear com a Coreia do Norte, avaliou o ex-presidente americano Jimmy Carter à revista Politico em uma entrevista publicada nesta terça-feira (22).

"Se o presidente Trump conseguir um acordo de paz aceitável para ambas as partes com relação à Coreia do Norte, acho firmemente que (a sua candidatura) deveria ser estudada para o Prêmio Nobel da Paz", opinou durante entrevista realizada no sábado.

Seria "um sucesso merecido e histórico que nenhum presidente foi capaz de conseguir", acrescentou Carter, que ganhou o Prêmio Nobel da Paz em 2002 após fechar os acordos de paz de Camp David entre Egito e Israel, em 1978.

Depois de décadas de tensões e as sanções econômicas à Coreia do Norte, Washington e Pyongyang podem chegar a um acordo sobre a 'desnuclearização' da península coreana em um cúpula histórica entre Trump e o líder norte-coreano, Kim Jong Un, em 12 de junho, em Singapura, embora nesta terça-feira o presidente americano tenha falado de um possível adiamento da reunião.

Um acordo com os norte-coreanos seria possível "se o próximo mediador ou negociador - o presidente Trump, espero -, tranquilizá-los dizendo que vamos abandonar (...) as ameaças de um ataque e suspender o embargo", disse Carter.

No entanto, o ex-presidente democrata de 93 anos também criticou Trump. "O presidente deve dizer a verdade. Deve agir pela paz. Deve considerar cada pessoa em pé de igualdade. A igualdade, a paz e a verdade, e eu acrescentaria a justiça fundamental, são valores morais que todos deveriam ter".

Internacional