Nuvem provocada por vulcão do Havaí chega às Ilhas Marshall

Majuro, Ilhas Marshall, 28 Mai 2018 (AFP) - A nuvem emitida pelo vulcão havaiano Kilauea alcançou no domingo as Ilhas Marshall, informaram as autoridades. As partículas devem seguir o deslocamento rumo ao oeste.

O fenômeno, conhecido em inglês como "vog", uma contração das palavras vulcão e neblina, "está se alastrando pela Micronésia", informou o Serviço Meteorológico Nacional Americano, com sede na ilha de Guam.

O vulcão havaiano está em erupção há quatro meses.

Os meteorologistas advertiram que os moradores das Ilhas Marshall com problemas respiratórios devem permanecer em suas casas. As companhias aéreas e empresas receberam alertas de possível visibilidade reduzida.

O Kilauea é um dos vulcões mais ativos do mundo e um dos cinco na Grande Ilha do Havaí. Entrou em erupção em 3 de maio, o que forçou a saída de 2.000 moradores áreas próximas à montanha.

Os cientistas acreditam que a atividade vulcânica pode indicar uma erupção maior, similar à registrada na ilha na década de 1920.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Receba por e-mail as principais notícias sem pagar nada.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos