Palestinos disparam morteiros contra o sul de Israel a partir da Faixa de Gaza

Jerusalém, 29 Mai 2018 (AFP) - Vinte e cinco morteiros disparados a partir da Faixa de Gaza caíram nesta terça-feira no sul de Israel, sem provocar vítimas, informou o exército israelense.

Um comunicado militar israelense afirma que os projéteis foram disparados em direção a vários pontos do território do país e muitos "foram interceptados pelo sistema antimísseis Cúpula de Ferro".

Vários morteiros caíram em terrenos baldios e não provocaram vítimas, segundo a polícia israelense.

Na segunda-feira, um disparo de tanque israelense matou um palestino que tentava se aproximar da fronteira da Faixa de Gaza com Israel.

Os disparos desta terça-feira aconteceram poucas horas antes da saída de um barco da Faixa de Gaza com o objetivo, segundo os organizadores, de romper o bloqueio que Israel impõe ao território palestino há 10 anos.

Pelo menos 121 palestinos morreram por disparos israelenses desde 30 de março, quando começou uma mobilização de várias semanas pelo direito de retorno às terras das quais foram expulsado em 1948, quando o Estado de Israel foi fundado.

O dia mais violento dos protestos, com 61 mortos, foi 14 de maio, quando o governo dos Estados Unidos inaugurou sua embaixada em Jerusalém.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

Newsletter UOL

Receba por e-mail as principais notícias, de manhã e de noite, sem pagar nada. É só deixar seu e-mail e pronto!

UOL Cursos Online

Todos os cursos