PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Torcedor do México enfrenta 27 anos de prisão por disparar morteiro nos EUA

27/06/2018 23h31

Los Angeles, 28 Jun 2018 (AFP) - Um torcedor da seleção mexicana de futebol corre o risco de pegar até 27 anos de prisão por ter disparado um morteiro em direção a policiais durante as comemorações da vitória do 'Tri' sobre a Alemanha, na primeira rodada do Grupo F da Copa da Alemanha.

Uma multidão celebrava a vitória mexicana por 1 a 0 em Huntington Park, 40 km ao sul de Los Angeles, no dia 17 de junho, quando José Alberto Martínez, 36 anos, "disparou em direção aos oficiais fogos de artifício altamente explosivos", informou a polícia.

Os policiais conseguiram se esquivar e não ficaram feridos.

"O mesmo suspeito também foi observado disparando morteiros diretamente contra um helicóptero da polícia".

As autoridades publicaram no Facebook na terça-feira o vídeo de Martínez - com a camisa do México - disparando o morteiro, sobre a legenda: "Não participe de atividades ilegais ou será detido".

Martínez foi preso pouco depois do incidente e denunciado por "ataque a um oficial da paz" e "uso de dispositivos destrutivos e explosivos para ferir ou destruir", e corre o risco de pegar até 27 anos de prisão.

O México avançou nesta quarta-feira às oitavas de final da Copa da Rússia, apesar de perder por 3 a 0 para a Suécia na última rodada do Grupo F, e agora enfrentará o Brasil.

Internacional