PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Líderes europeus aprovam prorrogação de sanções contra Rússia

29/06/2018 01h28

Bruxelas, 29 Jun 2018 (AFP) - Os líderes europeus aprovaram na madrugada desta sexta-feira a prorrogação - por seis meses - das sanções econômicas impostas à Rússia por seu papel no conflito na Ucrânia, decisão que deverá ser aprovada formalmente pelo Conselho da UE.

Os 28 dirigentes da UE mantiveram em Bruxelas "uma discussão muito curta" sobre o assunto, "que conduzirá à prorrogação por mais seis meses das sanções" adotadas pela primeira vez em julho de 2014, disse à AFP um funcionário europeu.

O bloco decidiu impor estas sanções - contra os setores de energia, defesa e bancário - pela primeira vez em 31 de julho de 2014, após a queda de um avião da Malaysia Airlines no leste da Ucrânia.

Em março de 2015, o bloco optou por vincular a permanência das sanções à aplicação ou não dos Acordos de Minsk, que visam acabar com o conflito entre as forças leais a Kiev e separatistas pró-Rússia no leste do país.

Em resposta, Moscou adotou medidas contra os agricultores europeus.

O atual período de sanções expirava no final de julho.

Internacional