PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Juncker admite não estar 'excessivamente otimista' antes de reunião com Trump

25/07/2018 06h38

Berlim, 25 Jul 2018 (AFP) - O presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, indicou à emissora alemã ZDF que não está "excessivamente otimista" antes das negociações que terá nesta quarta-feira (25) com o presidente americano, Donald Trump, para evitar uma guerra comercial.

"Claramente queremos dizer que não somos inimigos dos Estados Unidos. Temos um passado comum que não devemos esquecer. [Mas] não sou excessivamente otimista", admitiu, segundo a transcrição de uma entrevista à ZDF divulgada na terça à noite.

Juncker afirmou que a UE está pronta para adotar represálias, se Trump decidir impor tarifas adicionais para os automóveis europeus.

Internacional