Bombardeios aéreos matam quase 30 civis no norte da Síria, diz OSDH

Beirute, 10 Ago 2018 (AFP) - Quase 30 civis morreram, inclusive várias crianças, em bombardeios aéreos nesta sexta-feira (10) contra vários territórios rebeldes do norte da Síria, informou a ONG Observatório Sírio de Direitos Humanos (OSDH).

Barris de explosivos lançados por helicópteros do regime e bombardeios aéreos realizados pelo aliado russo atingiram a província de Idleb, no noroeste do país, principalmente controlada pelos extremistas e pelos rebeldes, segundo o OSDH.

Estes bombardeios deixaram ao menos 11 civis mortos, de acordo com esta ONG sediada no Reino Unido e que tem uma ampla rede de informantes na Síria.

Na província vizinha de Aleppo, bombardeios contra a localidade de Orum al Kubra, mataram 18 civis, entre eles três crianças, acrescentou a ONG, que não pôde informar se os ataques foram efetuados pelo regime ou pelos russos.

"O balanço pode aumentar (...) Há pessoas presas sob os escombros", explicou à AFP o diretor do OSDH, Rami Abdel Rahman.

Receba notícias do UOL. É grátis!

Facebook Messenger

As principais notícias do dia pelo chatbot do UOL para o Facebook Messenger

Começar agora

UOL Newsletter

Para começar e terminar o dia bem informado.

Quero Receber

UOL Cursos Online

Todos os cursos