PUBLICIDADE
Topo

Justiça confirma multa à revista que publicou fotos de Kate Middleton de topless

19/09/2018 10h47

Versalhes, França, 19 Set 2018 (AFP) - A justiça francesa confirmou nesta quarta-feira em recurso as multas impostas a dois editores da revista Closer por terem divulgado fotografias de Kate Middleton em 2012 de topless.

O tribunal confirmou que ambos devem pagar a multa máxima de 45.000 euros cada por terem atentado contra a privacidade da Duquesa de Cambridge, publicando as imagens tiradas em uma luxuosa mansão no sul da França.

A disputa remonta a 14 de setembro de 2012, quando a revista chegou às bancas francesas.