PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Ataque na Líbia atribuído ao EI deixa nove mortos

23/11/2018 20h52

Bengasi, Líbia, 23 Nov 2018 (AFP) - Pelo menos nove membros dos serviços de segurança morreram nesta sexta-feira (23) em um ataque atribuído ao grupo extremista Estado Islâmico (EI) em Tazerbo, a 1.500 km a sudeste de Trípoli, segundo uma autoridade do serviço de segurança.

Outras 11 pessoas, entre elas civis e um chefe dos serviços de segurança, foram "sequestradas" pelos membros do grupo, que atacaram uma delegacia de polícia, acrescentou o responsável, que pediu anonimato.

A região de Tazerbo está controlada pelas forças do marechal Khalifa Haftar, homem forte do leste da Líbia, que dirige o autoproclamado Exército Nacional Líbio (ENL).

Este ataque, que não foi reivindicado até o momento, é o segundo em menos de um mês contra as forças leais ao marechal Haftar.

O primeiro, reivindicado pelo grupo EI, deixou pelo menos cinco mortos em 29 de outubro na região de Al Jufra (centro). Esta região é frequentemente palco de ataques atribuídos a extremistas.

Um ataque anterior, reivindicado pelo mesmo grupo, em agosto de 2017, deixou 11 mortos, nove deles membros do ENL.

Internacional