PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Alemanha pede à França que ceda à UE seu posto no Conselho de Segurança

28/11/2018 19h02

Berlim, 28 Nov 2018 (AFP) - A Alemanha sugeriu nesta quarta-feira (28) que a França renuncie a seu status de membro permanente do Conselho de Segurança da ONU em benefício de um banco permanente para a União Europeia (UE), o que foi rapidamente rejeitado por Paris.

Há algum tempo a Alemanha lança o debate em torno de uma reforma do Conselho de Segurança, surgido após a Segunda Guerra Mundial.

"Se levamos a União Europeia a sério, ela deveria falar a uma só voz no Conselho de Segurança das Nações Unidas (...) A médio prazo, o posto permanente da França poderia ser transformado em uma posição da UE", afirmou o vice-chanceler alemão, Olaf Scholz.

A resposta francesa não demorou a chegar. "É legalmente impossível porque é contrário à Carta das Nações Unidas",tuitou o embaixador francês nos Estados Unidos, Gérard Araud. "Modificá-lo seria politicamente impossível".

A sugestão de Berlim parece ser uma maneira de responder às críticas recorrentes sobre a timidez e falta de ambição do governo alemão em relação às propostas francesas para relançar o projeto europeu.

Internacional