Topo

Irã elabora mecanismo para vender petróleo à Coreia do Sul

01/12/2018 09h30

Teerã, 1 dez 2018 (AFP) - O Irã finalizou um "mecanismo" para a venda de petróleo iraniano a Seul, após o restabelecimento das sanções americanas contra o setor petrolífero, informou a agência de notícias estatal Irna.

"Foi criado um mecanismo para as exportações de petróleo para a Coreia do Sul: as receitas da exportação de petróleo do Irã serão trocadas por importações de produtos coreanos", explicou Hussien Tanhayi, chefe da Câmara de Comércio Irã-Coreia do Sul.

Um "fundo comum" será criado pelos bancos centrais da Coreia e do Irã para permitir essa troca, acrescentou ele, sem maiores detalhes.

Em 5 de novembro, o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, restabeleceu as sanções contra os setores petrolífero e financeiro iraniano depois de se retirar do acordo nuclear de 2015.

Em seguida, Washington autorizou que oito países, incluindo a Coreia do Sul, continuassem comprando petróleo iraniano temporariamente.

Aliada dos Estados Unidos, a Coreia do Sul optou por encerrar suas compras de petróleo iraniano. Nos primeiros seis meses do ano, Seul comprava 285 mil barris por dia do Irã, segundo a Bloomberg.

A Coreia do Sul é o terceiro maior parceiro comercial de Teerã, atrás da China e dos Emirados Árabes Unidos.

Após atingir 12 bilhões de dólares, o comércio bilateral entre Irã e a Coreia do Sul caiu para 5,7 bilhões de dólares.