Topo

EUA querem fim de 'ineficazes' missões de paz da ONU na África

13/12/2018 14h03

Washington, 13 dez 2018 (AFP) - Os Estados Unidos querem "pôr fim" a missões da ONU na África que não favoreçam uma "paz duradoura" - advertiu nesta quinta-feira (13) o conselheiro de Segurança Nacional, John Bolton.

"Apoiaremos apenas operações eficazes e eficientes e buscaremos reconfigurar, ou terminar, missões que forem incapazes de cumprir seu próprio mandato, ou facilitar a paz duradoura", disse Bolton durante um discurso sobre a estratégia do governo Donald Trump para o continente africano.

"Nosso objetivo é resolver os conflitos, não congelá-los para sempre", afirmou, na Heritage Foundation.

John Bolton acusou o organismo mundial de criar missões de manutenção da paz e, depois, não analisar como resolver os conflitos paralelos.

"Não daremos legitimidade a missões que concedem grandes pagamentos a países que enviam soldados mal equipados, que dão proteção insuficiente a populações vulneráveis no terreno", afirmou.

Como exemplo, Bolton citou o Saara Ocidental e lembrou que, como funcionário do Departamento de Estado, participou da organização da missão da ONU em 1991.

sct/ft/gv/lda/tt

Mais Internacional