PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Três palestinos mortos em Gaza por disparos israelenses

21/12/2018 18h43

Gaza, Territórios palestinos, 21 dez 2018 (AFP) - Três palestinos, um deles um jovem de 16 anos, morreram nesta sexta-feira (21) por disparos israelenses devido a protestos na Faixa de Gaza, indicou o Ministério da Saúde desse enclave.

O adolescente, Mohamed al-Jahjuh, "foi atingido no pescoço por uma bala de soldados israelenses" enquanto protestava a leste da cidade de Gaza, declarou à AFP o porta-voz do Ministério da Saúde, Ashraf al-Qodra.

Abdelazziz Abu Sharia, de 28 anos, foi atingido por um disparo no abdômen e morreu no hospital.

Naher Yassin, de 40 anos, também ficou gravemente ferido perto de El Bureij e morreu mais tarde, explicou o porta-voz.

O Exército israelense indicou que cerca de 8.000 palestinos que se reuniram ao longo da fronteira queimaram pneus e lançaram um objeto incendiário nos soldados sem atingi-los. Acrescentou que "disparou segundo os procedimentos operacionais em vigor", sem dar mais detalhes.

Pelo menos 44 palestinos ficaram feridos, incluindo dois jornalistas e quatro membros dos serviços de resgate, de acordo com Ashraf al-Qodra.

A Faixa de Gaza, um território sob bloqueio entre Israel, Egito e o Mediterrâneo, experimentou em 2018 uma mobilização chamada "Grande marcha do retorno", além de vários confrontos entre grupos palestinos e o Exército israelense.

Ao menos 236 palestinos foram mortos desde 30 de março por disparos israelenses, principalmente durante protestos e confrontos ao longo da fronteira, e outros por disparos de tanques ou por bombardeios da aviação israelense.

sa/jlr/lal/hj/eg/jz/eg/cb

Internacional