PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Gerson Camata é assassinato por ex-assessor no Espírito Santo

26/12/2018 20h15

Brasília, 26 dez 2018 (AFP) - O ex-governador do Espírito Santo Gerson Camata foi assassinado nesta quarta-feira por um antigo colaborador em Vitória, informou a estatal Agência Brasil.

Camata, 77 anos e com uma longa trajetória política, foi baleado ao sair de um restaurante no bairro de Praia do Canto, e morreu no local.

O secretário de Segurança do Estado, Nylton Rodrigues, explicou que o autor confesso do crime foi detido logo após o incidente. Trata-se de Marcos Venício Moreira Andrade, ex-assessor de Camata de 66 anos, que mantinha uma disputa judicial com a vítima.

Camata, do MDB, foi governador do Espírito Santo entre 1982 e 1986, e entre 1987 e 2011 exerceu três mandatos como senador.

"Recebemos com muita tristeza a notícia da morte do ex-senador Gerson Camata, que durante 24 anos representou, de forma destacada, o Espírito Santo no Senado", declarou o presidente desta Casa, Eunício Oliveira.

Nascido em 1941 em Castelo, no sul do Espírito Santo, Camata - formado em economia - começou sua carreira como jornalista e foi vereador em Vitória.

jm/lr

Internacional