PUBLICIDADE
Topo

Internacional

México bloqueia contas de universidade pública por suposta lavagem de dinheiro

26/02/2019 19h00

México, 26 Fev 2019 (AFP) - O governo mexicano informou nesta terça-feira (26) que bloqueou as contas bancárias de uma universidade pública estadual e colabora com uma agência internacional para investigar suposta lavagem de dinheiro, após relatos de movimentos incomuns de até US$ 150 milhões em uma única operação.

Depósitos e transferências internacionais vêm de mais de 22 países, incluindo Suíça, Espanha e Reino Unido, detalhou a Unidade de Inteligência Financeira (FIU) do Ministério das Finanças em um comunicado.

"Entre os movimentos mais relevantes, constatou-se que o centro educacional recebeu cerca de 150 milhões de dólares de contas bancárias localizadas na Suíça", explicou a UIF.

A entidade recebeu o relatório de operações incomuns do sistema financeiro em 22 de fevereiro e prosseguiu "imediatamente" para bloquear contas bancárias, acrescentou o comunicado.

Um porta-voz da Fazenda disse que, por ora, o nome da instituição investigada não será divulgado de acordo com as regras do devido processo legal.

Não é frequente a denúncia casos de instituições públicas, especialmente aquelas especializadas no setor de educação, que podem ter incorrido na lavagem de recursos de origem ilícita.

jla/sem/rbv/ll/mvv

Internacional