PUBLICIDADE
Topo

Brasileiro e três alemães são localizados nos Andes do Peru

28/03/2019 19h41

Lima, 28 Mar 2019 (AFP) - Equipes de resgate encontraram o brasileiro e os três turistas alemães que supostamente desapareceram nos Andes, no norte do Peru. Eles na verdade teriam ativado um sinal de alerta por engano, informou a polícia de Alta Montaña nesta quinta-feira.

"Encontramos os três turistas alemães e brasileiros na Cordilheira Huayhuash (6.635 metros de altura), onde eles estavam caminhando", disse à AFP o capitão Yober Morales, da polícia de Alta Montaña, na região de Ancash.

O capitão Morales explicou que o brasileiro informou que, por engano, acionou um sinal de alerta de geolocalização de seu celular para a embaixada do Brasil em Lima enquanto fazia uma caminhada de fim de semana na região.

"O sinal de alerta foi acidental. Da embaixada do Brasil nos solicitaram apoio e nos mobilizamos na busca", afirmou.

Devido ao sinal de alerta, a embaixada alertou a polícia por acreditar que um incidente poderia representar um risco para a sua vida. Dois esquadrões de agentes de alta montanha foram então mobilizados para encontrar os montanhistas.

"O brasileiro se comunicou com sua embaixada e explicou que involuntariamente o socorro havia sido ativado", disse Morales.

Segundo informações da polícia de Alta Montaña, os estrangeiros estão em bom estado de saúde.

"Eles estão bem, os alemães continuam sua caminhada e o brasileiro voltou para Ancash para continuar fazendo turismo", disse o policial.

Os turistas foram identificados como o oficial da Marinha do Brasil Felipe Pasetto Funez, 29 anos, e os alemães Lissan Steckel, 26 anos, Simón Kleiner, 27 anos, e Maximilian Kaufmann (26).

cm/ljc/cbr/cc