PUBLICIDADE
Topo

Internacional

Atentado suicida deixa sete mortos no norte do Sinai egípcio

09/04/2019 12h46

Cairo, 9 Abr 2019 (AFP) - Quatro policiais e três civis morreram, nesta terça-feira (9), em um atentado a bomba cometido por um jovem no norte do Sinai, região do nordeste do Egito onde o grupo Estado Islâmico (EI) está instalado - anunciou o Ministério do Interior.

"Um jovem de cerca de 15 anos se detonou perto das forças de segurança, provocando a morte de dois oficiais, dois policiais e três cidadãos - um deles, um garoto de seis anos", declarou o Ministério em um comunicado.

No ano passado, o Egito, país que enfrenta uma multiplicação de ataques de grupos extremistas, lançou a campanha "Sinai 2018", para expulsar o EI da península e "limpar" o país do "terrorismo".

Desde que o Exército derrubou o presidente islamista Mohamed Mursi, centenas de soldados e policiais morreram em ataques de grupos extremistas. Os civis também costumam ser alvo de atentados, sobretudo, os cristãos coptas ortodoxos.

aem/gk/es/mb/tt

Internacional