Topo

Ex-presidente francês Sarkozy será julgado por corrupção

19/06/2019 11h13

Paris, 19 Jun 2019 (AFP) - O ex-presidente francês Nicolas Sarkozy será julgado por corrupção por tentativa de influenciar um juiz, decidiu nesta quarta-feira a justiça, depois que os últimos recursos foram esgotados, informaram à AFP fontes próximas ao caso.

O tribunal de cassação rejeitou nesta terça-feira os últimos recursos de Sarkozy, seu advogado Thierry Herzog e o alto magistrado Gilbert Azibert, o que significa que os três serão julgados por "corrupção" e "tráfico de influências".

Esta é a primeira vez desde a fundação da V República francesa, em 1958, que um ex-presidente será julgado por corrupção. Sarkozy se retirou da política em 2016.

O ex-presidente é acusado de tentativa, em 2014, por meio de seu advogado Thierry Herzog, de obter informações do então magistrado Gilbert Azibert - no âmbito do caso Bettencourt - em troca de sua nomeação para um posto de prestígio em Mônaco.

Sarkozy foi absolvido em 2013 do caso Bettencourt, que investigava as supostas doações da rica herdeira do grupo L'Oréal, Liliane Bettencourt, ao UMP (União por um Movimento Popular), o então partido do ex-presidente.

jmo-nal/tib/lp/agr/pc/al/fp

Internacional