Topo

Guatemala vai recontar votos por denúncias de fraude nas eleições presidenciais

2019-06-20T18:10:00

20/06/2019 18h10

Cidade da Guatemala, 20 Jun 2019 (AFP) - O Tribunal Supremo Eleitoral da Guatemala (TSE) anunciou nesta quinta-feira que vai recontar os votos da eleição presidencial realizada domingo passado, em meio a rumores e protestos por suposta fraude.

A entidade comunicou que a recontagem começará na próxima segunda-feira para corrigir possíveis erros nas atas. Também serão revisados os votos das eleições municipais e legislativas realizadas também no domingo passado.

Com 98% da apuração efetuada, a ex-primeira-dama social-democrata Sandra Torres ficou com 25,70% dos votos, e o médico Alejandro Giammattei (de direita), com 13,92%.

Se a recontagem não alterar os resultados, os dois candidatos vão disputar o segundo turno em 11 de agosto para substituir impopular presidente Jimmy Morales.

ec/mas/dga/lca

Mais Internacional