Topo

EUA buscam saída para disputa entre Japão e Coreia do Sul

2019-07-11T18:01:00

11/07/2019 18h01

Washington, 11 Jul 2019 (AFP) - O chefe da diplomacia americana, Mike Pompeo, pediu nesta quinta-feira (11) uma cooperação melhor entre Japão e Coreia do Sul, países asiáticos que mantêm uma disputa diplomática e comercial.

A tensa relação entre os dois aliados dos Estados Unidos se agravou no começo de julho, quando Tóquio anunciou o endurecimento das condições de exportação de produtos químicos usados na fabricação de chips e telas de celular e computador para a Coreia do Sul.

Em uma ligação com a ministra sul-coreana de Relações Exteriores, Kang Kyung-wha, Pompeo insistiu sobre a "importância da cooperação trilateral" entre Estados Unidos, Japão e Coreia do Sul, informou o Departamento de Estado.

Pompeo e Kang também conversaram sobre o desarmamento nuclear da Coreia do Norte, que voltará a ser negociado pela via diplomática após Trump cruzar, em 30 de junho, a Zona Desmilitarizada e entrar no país ao lado do líder norte-coreano, Kim Jong Un.

As medidas de Tóquio são uma represália por uma resolução da Justiça sul-coreana que obriga empresas japonesas a pagarem compensações a cidadãos coreanos por trabalhos forçados durante a ocupação nipônica da península, entre 1910 e 1945.

O Japão alega que as queixas sobre esse período colonial - que é um assunto delicado para os coreanos - foram solucionadas com o tratado de 1965, quando ambos países retomaram o vínculo diplomático.

Kang disse a Pompeo que as restrições comerciais do Japão "não prejudicam apenas as empresas da Coreia do Sul, mas afetam todo o fornecimento global".

sct/ft/piz/ll

Mais Internacional