Topo

Mísseis 'provavelmente israelenses' atingem sul da Síria (OSDH)

23/07/2019 22h04

Beirute, 24 Jul 2019 (AFP) - Vários mísseis "provavelmente israelenses" caíram na noite desta terça-feira (23) no sul da Síria contra "posições militares" do governo ou de seus aliados, afirmou a entidade Observatório Sírio dos Direitos Humanos (OSDH).

De acordo com essa ONG, os mísseis se concentraram na "zona de Tall al-Hara, na província de Deraa, ao sul de Damasco". A televisão síria mencionou "informações" sobre uma "agressão israelense" na região.

A área dos atingida pelos mísseis é uma das regiões onde o Hezbollah mantém posições, de acordo com o chefe do OSDH, Rami Abdel Rahman.

No entanto, ataques com mísseis também foram registrados na província de Quneitra, segundi o OSDH.

"A defesa antiaérea do regime foi ativada para atuar. Alguns dos mísseis foram abatidos, mas outros atingiram seus objetivos.", afirmou Rahman.

A região de Tall al-Hara já tinha sido alvo de ataques de mísseis israelenses em meados de junho, conforme relatado pela OSDH e pela imprensa síria.

Nessa área, o grupo do Hezbollah instalou radares e o governo implementou baterias antiaéreas.

No dia 30 de junho, seis civis e nove combatentes pró-governo de Damasco morreram em ataques israelenses perto da capital e na província de Homs.

Israel, por sua parte, já informou que pretende manter os ataques contra posições do Irã ou do Hezbollah na Síria, e que não permitiria que forças próximas ao governo iraniano se instalem perto de suas fronteiras.

tgg/cn/ahg/db/lca

Mais Internacional